Notícias 09/11/2020 - 13:36 - Marizan Carvalho da Silva/FEE-TO

Escolas comemoram resultado do Prêmio Gestão Escolar 2020

Equipe da Escola Estadual XV de Novembro, de Tocantinópolis, comemora o resultado do Prêmio Gestão - Seduc / Governo do Tocantins Equipe da Escola Estadual XV de Novembro, de Tocantinópolis, comemora o resultado do Prêmio Gestão - Seduc / Governo do Tocantins - SECOM/SEDUC
Professora Simone Resplandes Borges, gestora da Escola Estadual GTI  XV de Novembro Professora Simone Resplandes Borges, gestora da Escola Estadual GTI XV de Novembro - ASCOM/FEE/TO
Professor Dorismar Carvalho de Sousa é Diretor da Regional de Tocantinópolis, a qual pertence a Escola Girassol de Tempo Integral XV de Novembro,  primeira colocada  no Prêmio Gestão Escolar 2020, fase Estadual. Professor Dorismar Carvalho de Sousa é Diretor da Regional de Tocantinópolis, a qual pertence a Escola Girassol de Tempo Integral XV de Novembro, primeira colocada no Prêmio Gestão Escolar 2020, fase Estadual. - SECOM/SEDUC

A Secretaria de Estado da Educação, Juventude e Esportes (SEDUC) anunciou, na última quarta-feira, 4, os nomes das escolas classificadas em primeiro, segundo e terceiro lugares na Edição 2020 do Prêmio Gestão Escolar em fase estadual. As escolas anunciadas receberam a noticia com muita comemoração e alegria!

A primeira colocação no certame com o relato de experiência “Nem toda distância é ausência: ressignificando o ensino e aprendizagem em tempo de pandemia”, ficou com a Escola Girassol de Tempo Integral XV de Novembro, jurisdicionada à Diretoria Regional de Educação de Tocantinópolis e liderada pela gestora Simone Resplandes Borges, que comenta sobre a satisfação da equipe escolar ao receber o resultado. “Estamos com o sentimento de dever cumprido. A equipe demonstrou compromisso e dedicação para com o desenvolvimento das atividades do projeto”, pontuou.

Para o diretor Regional de Educação de Tocantinópolis, professor Dorismar Carvalho de Sousa  a unidade da equipe  escolar é essencial para a melhoria da qualidade de ensino e  a temática "Como as escolas estão enfrentando o desafio do afastamento social para manter o vínculo entre os atores escolares?", proposta nesta Edição Especial do Prêmio Gestão Escolar veio fortalecer ainda mais a educação mesmo em tempos de desafios.  "A Escola Estadual GTI XV de Novembro, deu visibilidade às formas criativas e inovadoras com que vem trabalhando com o afastamento social. Esta premiação é resultado da competência, dedicação, compromisso e esforço de cada membro que compõe a equipe escolar.", pontuou. Dorismar, estendeu ainda agradecimentos  à gestora Simone Resplandes e demais servidores, em especial aos professores que mediante aos desafios do afastamento social, não mediram esforços para continuarem oferecendo uma educação de qualidade.

Entre as atividades realizadas destacaram-se acompanhamento aos estudantes em suas casas, gravação de vídeos, cultivo de plantas medicinais e hortaliças, realização de desfios matemáticos envolvendo temas cotidianos.

Já o segundo lugar ficou com a Escola Indígena 19 de Abril, de Goiatins, da Diretoria Regional de Educação de Pedro Afonso. Ela apresentou o relato de Experiência “Navegando e reinventando o aprender em face do desconhecido”. Entre as atividades desenvolvidas estão contação de história, roda de leitura e atividades esportivas compartilhadas no pátio da aldeia.

O terceiro lugar na fase estadual do Prêmio foi conquistado pela  Escola Estadual Santa Gertrudes, pertencente à Diretoria Regional de Educação de Araguatins, que trabalhou o relato de Experiência “Recriando em tempo de pandemia”. A escola é localizada na zona rural de Araguatins, Agrovila Falcão. A diretora Tânia Pereira Gomes fala da alegria em estar entre os primeiros colocados. “Juntamente com toda a equipe, foi possível alcançar essa posição. Ainda mais, por ser uma escola que fica na zona rural, área de assentamento. O acesso é mais dispendioso, inclusive para entregar material pedagógico aos estudantes. Diante de tudo isso, o trabalho continuou com qualidade. É uma escola de referência, com servidores muito comprometidos. Para nós, diante de tantas inscrições, essa posição significa muito. Meu sentimento é de gratidão a todos os envolvidos, aos nossos estudantes, à diretoria Regional e à Secretaria de Educação",  concluiu.

A  representante da Assessoria de Apoio aos Municípios - ASMET/SEDUC, no Fórum Estadual de Educação (FEE/TO),  professora Odaléa  Barbosa de Sousa, destacou a participação das escolas nesta edição do Prêmio Gestão Escolar como resultados dos esforços conjuntos da equipe escolar. "O Prêmio Gestão Escolar 2020, trouxe nesse período de isolamento social relatos emocionantes,  resultados dos esforços conjuntos da equipe escolar frente aos desafios postos pela pandemia do COVID19, demonstrando na prática  capacidade de articulação com a comunidade escolar e a sociedade; além de cumprir seu papel social, apresentaram inovação nesse novo jeito de fazer educação", destacou.

Para o Coordenador Geral do FEE/TO, professor Alan BITAR, a quantidade de projetos inscritos nesta edição do Prêmio Gestão Escolar, confirma que  os profissionais de educação no Estado estão motivados e que os desafios da pandemia do COVID19 serviram para fortalecer ainda mais a  Educação. "Entendo que este momento têm servido para promover o conhecimento científico em nosso Estado e fortalecer a Educação como um todo;  a quantidade de projetos inscritos e o resultado desta edição do Prêmio Gestão  é o reflexo do empenho e compromisso de todos com uma Educação de qualidade," concluiu.

O Prêmio e o PNE

O Prêmio Gestão Escolar é uma iniciativa do Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed) e parceiros. Realizado desde 1998, o Prêmio Gestão Escolar contempla projetos eficientes e inovadores de gestão na Educação Básica da rede pública de todo contribuindo para a melhoria da educação e para o cumprimento das metas 7 e 17 do Plano Nacional de Educação - PNE.  Nessas duas décadas, cerca de 40 mil inscrições de escolas foram registradas e mais de 8 milhões de estudantes foram beneficiados com os projetos implantados pelos diretores inscritos.

Parceiros

São apoiadores do Prêmio Gestão Escolar 2020, Conselho Britânico, Bett Brasil, Fundação Itaú Social, Fundação Itaú para Educação e Cultura, Fundação Roberto Marinho, Fundação Santillana, Instituto Natura, Ministério da Educação, Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco), Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) e Universidade Virtual do Estado de São Paulo (Univesp).

A intenção do certame é estimular a melhoria da gestão das escolas públicas, reconhecer boas práticas, incentivar o aprimoramento dos processos de gestão e promover ações que possibilitem o intercâmbio de experiências entre os gestores e, assim, multiplicar e dar visibilidade para as boas estratégias.

 

Com informações da Secretaria de Estado da Educaçao, Juventude e Esportes - SEDUC